Toyota Hilux Elétrica Chega às Ruas em 2025!

0
5813

A Toyota Hilux está prestes a receber uma versão elétrica que estará disponível para compra já a partir de 2025. O anúncio foi feito pelo presidente da marca na Tailândia, Noriaki Yamashita, durante a abertura do Salão de Bangkok nesta terça-feira (26), conforme relatos da agência Reuters.

Projeção Frontal Hilux Elétrica

Este anúncio vem logo após a Isuzu ter anunciado que também planeja produzir uma versão elétrica da D-Max, prevista para o mesmo ano. A Tailândia é reconhecida como um dos principais polos produtores e exportadores de picapes, sendo uma referência importante para o desenvolvimento de novos produtos, especialmente para a filial sul-americana.

Além disso, Yamashita anunciou que seis unidades da Hilux BEV (abreviação de veículo elétrico a bateria, em inglês) serão entregues para testes como transporte público na cidade turística de Pattaya, localizada no leste da Tailândia, no próximo mês.

A picape elétrica da Toyota já foi exibida em outras ocasiões. Sua primeira aparição ocorreu em dezembro de 2022, também na Tailândia, sob o conceito batizado de “Hilux Revo BEV“. Mais tarde, em outubro do ano passado, a picape começou a circular em testes na Austrália, embora a marca não tenha divulgado dados técnicos específicos até o momento.

Projeção Traseira Hilux Elétrica

Considerando a proximidade do início da produção em série na Ásia, é razoável presumir que a nova Hilux elétrica será uma adaptação da atual geração da caminhonete, que utiliza a mesma plataforma desde meados da década passada e já passou por algumas atualizações de projeto.

No entanto, ainda não há informações técnicas detalhadas disponíveis sobre a nova Toyota Hilux BEV, como a potência do motor ou as especificações das baterias. Especula-se, no entanto, que ela possa compartilhar o mesmo conjunto mecânico do SUV elétrico BZ4x.

Esse conjunto inclui um motor elétrico com pouco mais de 200 cv de potência e uma bateria com capacidade de 71,4 kWh brutos e 64 kWh líquidos, de íons de lítio, proporcionando uma autonomia estimada de cerca de 250 km por recarga.

O conceito apresentado, que servirá de inspiração para o design da picape Hilux BEV, exibia características típicas de um veículo elétrico, incluindo uma grade dianteira fechada e uma tomada de ar localizada apenas na parte inferior do para-choque dianteiro. No entanto, em termos gerais, a nova versão mantém a essência da Hilux que já conhecemos.

Hilux 48V chega ao Brasil primeiro Atualmente, a forma mais próxima de eletrificação que a Hilux possui é em sua versão híbrida leve, vendida na Europa, Ásia e Oceania. Essa versão conta com um motor-gerador ligado a uma bateria de 48V e um conversor DC/AC.

Esse sistema é combinado com o motor 2.8 turbodiesel já utilizado pela picape no mercado brasileiro. Esse motor entrega uma potência de 204 cv e um torque de 50,9 kgfm, sempre associado a uma transmissão automática de seis marchas. Essa configuração está prevista para chegar à América do Sul, inclusive ao Brasil, em 2025.

A respeito da nova Toyota Hilux BEV elétrica, ainda não há informações sobre a possibilidade de sua produção na Argentina ou sobre sua comercialização no Brasil.

Veja o nosso último vídeo:
Se você gostou do conteúdo, siga-nos:
Google New Instagram Youtube Pinterest

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui